Fibra

Início > Opinião > MPS: O hardware é só o início

MPS: O hardware é só o início

quarta, 28 março 2012 02:00   Hendrik Wielinga

Hendrik_Wielinga2_peq_copyMPS. São estas três letras que mudaram o paradigma da atuação de empresas como a Konica Minolta. Os “Managed Print Services (MPS)” ou “Serviços Geridos de Impressão” são o presente e o futuro de uma área de negócio onde o hardware, apesar de continuar a ser muto importante, já não é o centro mas apenas o início.

 


O foco está, agora, no software e nos serviços. O foco está agora em antecipar as necessidades dos clientes em vez de reagir a avarias de uma máquina. O foco está agora em agir e não em reagir.

O MPS é baseado numa plataforma de serviço na qual até o hardware é considerado como um serviço - a possibilidade de imprimir - combinado com serviços como monitorização da frota à distância (remote service), manutenção proactiva, fornecimento automático de consumíveis, reporting acerca da utilização dos equipamentos, formação dos utilizadores constante e online, contratos individualizados (SLA), gestão da frota multimarca, uma implementação e manutenção baseada em projetos, entre outras possibilidades. O MPS toma conta da gestão do parque de impressão sem qualquer intervenção por parte do cliente para que este possa concentrar-se totalmente no seu core business.

Mas o que muda com esta nova abordagem? Tudo. E quem primeiro se adaptar à nova realidade, ganha a corrida. O ciclo de negócio estende-se por mais tempo, uma vez que a relação comercial com o cliente deixa de estar limitada à venda da hardware e eventual resolução de problemas pontuais e transforma-se numa relação de longa duração na qual uma equipa multifuncional antecipa e supre as necessidades do cliente, apresentando-lhe software e serviços que aumentem a produtividade e reduzam os custos dos seus negócios. A venda começa depois da celebração do acordo com o cliente.

Será, justamente, este o foco da participação da Konica Minolta na Pro-Digit@al 2012, de 29 de março a 1 de abril, serão apresentados, em primeira mão, os produtos PrintGroove Queue, PrintGroove Ready e PrintGroove JT Web que permitem a gestão inteligente e sustentável do fluxo documental dentro de uma gráfica ou centro de reprografia. Para área de Office será demonstrado o EveryOnePrint, uma solução para a impressão móvel.

A nível de gestão global, o negócio deixa de ser medido pelo número de equipamentos ou caixas vendidas, mas pelo valor de serviços contratualizados. Este é o desafio. Em breve veremos quem está preparado.

Hendrik Wielinga, marketing & product manager da Konica Minolta Portugal

Briefing advocatus fibra Welcome store


Considerações Legais     © 2015 fibra     Ficha Técnica      Estatuo Editorial