Fibra

Início > Internet > Passwords: Mais vale complicar

Passwords: Mais vale complicar

segunda, 21 novembro 2011 14:06

google_copyA Google está a sensibilizar os utilizadores da Internet para a segurança das contas de email ou sites, advertindo para a importância de criar uma password à prova de intrusos.


A regra básica é que quanto mais complexa for a password, maior a segurança da conta criada: e para ajudar os internautas, a Google lançou a campanha Good to Know, com um site específico em que dá dicas práticas sobre os cuidados a ter na selecção da senha de acesso.

Há sites que já exigem um número mínimo de caracteres, outros que impõem uma combinação de algarismos e letras. Mas a verdade é que os utilizadores tendem a criar passwords óbvias, relacionadas com o dia-a-dia – o nome dos filhos, do clube de futebol, do músico favorito…  E quanto mais óbvias, mais fáceis de violar.

Segundo a Google, não é preciso abicar das preferências pessoais para ter uma senha segura. E dá um exemplo: um utilizador que seja fã de Shakespeare pode perfeitamente usar uma frase emblemática do dramaturgo como “to be or not to be, that is the question” – tal como está, seria incomportável como password mas pode ser transformada num código de letras e números, o que daria 2bon2btiq”. Simples, mas difícil de adivinhar, mesmo para um pirata informático.

A propósito, o gestor de passwords SplashData deu-se ao trabalho de procurar as piores senhas em inglês: o top 25 é liderado por “password”, “123456”, “12345678”. Também há “abc123”, “baseball”, “football”, “123123” e “superman”.

Fonte: Dinheiro Vivo

 

 



 

Briefing advocatus fibra Welcome store


Considerações Legais     © 2015 fibra     Ficha Técnica      Estatuo Editorial