Fibra

Início > Empresas > Cisco recorre de decisão da UE sobre compra do Skype

Cisco recorre de decisão da UE sobre compra do Skype

quinta, 16 fevereiro 2012 10:03
cisco_-_jpeg_thumb150_A Cisco vai recorrer da decisão da União Europeia de aprovar a compra da Skype Technologies pela Microsoft, anunciada em outubro do ano passado. O motivo tem a ver com a necessidade de tornar o serviço de vídeo-conferência do Skype compatível com outros sistemas.

 
A Cisco não se opõe à fusão mas pretende que a Comissão Europeia defina as condições para essa compatibilidade, noticia o Wall Street Journal. No blogue da empresa o vice-presidente da empresa afirmou que a Comissão deve avaliar o negócio pois o Skype não funciona com outros sistemas de chamada de áudio e vídeo que usam tecnologias usadas no sector, como as da Cisco.

 
Fontes relacionadas com o negócio afirmam que a Cisco tinha procurado trabalhar com a Microsoft para garantir que o seu equipamento de videoconferência funcionasse com o Skype, mas não chegou a um acordo.

 
Fonte: The Wall Street Journal
Briefing advocatus fibra Welcome store


Considerações Legais     © 2015 fibra     Ficha Técnica      Estatuo Editorial